Saúde

Saiba como evitar doenças respiratórias no inverno

A estação é propícia para casos de gripes, resfriados, pneumonia e Covid-19

Pâmela Lima

Há 8 dias


A campanha nacional de vacinação contra a gripe foi prorrogada até a próxima sexta-feira (24)
A campanha nacional de vacinação contra a gripe foi prorrogada até a próxima sexta-feira (24)

Atenção - Com a chegada do inverno, aumenta a circulação de vírus e, consequentemente, casos de infecções respiratórias, principalmente gripes, resfriados, pneumonia e Covid-19. A temperatura baixa também favorece o aparecimento de outros problemas, como sinusite, bronquite, asma e rinite.

Para evitar a possibilidade de adoecer, os especialistas recomendam a vacinação, para neutralizar quadros graves das doenças, e adotar mudanças de comportamento. Os médicos recomendam evitar ambientes fechados e pouco ventilados, se vacinar contra a gripe e a Covid, manter o distanciamento de pessoas infectadas, reforçar os cuidados básicos de higiene, como lavagem frequente das mãos com água e sabão; evitar  exposição a alérgenos, como poeira, mofo, ácaros

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O aconselhável é manter a casa sempre ventilada e arejada, evitando carpetes e tapetes, e utilizar o aspirador de pó  como substituto da vassoura, que ajuda a espalhar alérgenos pelo ar. Quem não tiver o equipamento, pode passar um pano úmido antes de varrer os ambientes.

Os colchões e travesseiros devem ser encapados com materiais impermeáveis, sem aberturas e fechados com zíper; dar preferência para travesseiros de poliéster, que podem ser lavados, e edredons acolchoados leves ou cobertores sintéticos. Roupas de cama devem ser lavadas em água quente pelo menos duas vezes por semana.

Vacinação

A campanha nacional de vacinação contra a gripe foi prorrogada até a próxima sexta-feira (24) para crianças entre 6 meses e 5 anos, trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas, indígenas, idosos e professores. A partir do dia 25 de junho, estados e municípios poderão ampliar a campanha para toda a população a partir de 6 meses enquanto durarem os estoques da vacina. Neste ano, foram distribuídas quase 80 milhões de doses de imunizantes contra a gripe.

A vacina contra a Covid-19 também está disponível nas unidades de saúde. Segundo o Ministério da Saúde, mais de 120 milhões de pessoas estão com a aplicação de doses em atraso. A partir de amanhã (22), a pasta vai liberar a imunização de pessoas acima de 40 anos com a quarta dose.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

PUBLICIDADE