Notícias

Tecnologia Híbrida

O novo sistema Windows 365 quebra os limites entre dispositivo e nuvem

Sem precisar baixar qualquer programa, o usuário terá seu sistema e documentos em nuvem que poderá ser usado nos dispositivos com Android, iOS, MacOS, iPadOS e Linux

Thuany Maciel

15/07/2021 21h30


(Comece um trabalho no computador e termine em um celular/ Divulgação: Windows Microsoft)
(Comece um trabalho no computador e termine em um celular/ Divulgação: Windows Microsoft)

A Microsoft anunciou o novo Windows 365 para empresas de todos os tamanhos. O serviço em nuvem leva o Windows 10 ou Windows 11 com maior flexibilidade e mais opções para trabalhar em diferentes locais ao mesmo tempo. O sistema operacional permanece na nuvem, transmitindo toda a experiência do Windows como aplicativos, dados e configurações, para dispositivos pessoais ou corporativos.

O sistema é completamente seguro por designs, protegendo e armazenando informações na nuvem, sem precisar baixar o programa no dispositivo, proporcionando assim, uma experiência mais produtiva para funcionários, estagiários e contratados. O Windows 365 também cria uma nova categoria de computação pessoal híbrida chamada Cloud PC, que usa o poder da nuvem e os recursos do dispositivo para fornecer uma experiência Windows completa e personalizada.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Com o Windows 365, estamos criando uma nova categoria: o Cloud PC. Assim como os aplicativos foram trazidos para a nuvem com SaaS, agora estamos trazendo o sistema operacional para a nuvem, fornecendo às organizações maior flexibilidade e uma maneira segura de capacitar sua força de trabalho para ser mais produtiva e conectada, independentemente da localização.”, disse Satya Nadella, presidente e CEO da Microsoft.

Com base no poder do sistema operacional Windows e na força da nuvem, o Windows 365 oferece três qualidades principais:

Poderoso: com inicialização instantânea em seu PC na nuvem, os usuários podem transmitir todos os seus aplicativos, ferramentas, dados e configurações em qualquer dispositivo. A nuvem oferece versatilidade em capacidade de processamento e armazenamento, permitindo que a TI seja ampliada ou reduzida de acordo com suas necessidades. Com a opção de Windows 10 ou Windows 11, as organizações podem escolher o PC na nuvem que melhor funcionam e com um preço mensal por cada usuário.

Simples: Os usuários podem fazer login e continuar de onde pararam em todos os dispositivos, proporcionando uma experiência simples e familiar do Windows fornecida pela nuvem. Com o Windows 365 otimizado para o Microsoft Endpoint Manager, a TI pode facilmente adquirir, implantar e gerenciar PCs em nuvem para sua organização, da mesma forma que gerencia PCs físicos. A Microsoft também continua a inovar no Azure Virtual Desktop para as organizações com profunda experiência em virtualização que desejam mais opções de personalização e flexibilidade.

Seguro: As informações são protegidas e armazenadas na nuvem, não no dispositivo. Sempre atualizado e baseado na força dos recursos e linhas de base de segurança da Microsoft, o Windows 365 simplifica e recomenda as melhores configurações de segurança para o ambiente em questão.

(Aplicativos premium do Office, armazenamento extra na nuvem, segurança avançada e muito mais/ Divulgação: Windows Microsoft)
(Aplicativos premium do Office, armazenamento extra na nuvem, segurança avançada e muito mais/ Divulgação: Windows Microsoft)

 

O lançamento está previsto para o próximo dia 2 de agosto e terá 12 configurações diferentes. O serviço estará disponível apenas para pequenas e médias empresas e conta com um custo de assinatura mensal por usuário.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Curtir
Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

PUBLICIDADE