Política

Milton Ribeiro deve passar a noite na carceragem da PF em São Paulo

Ex-ministro deve ser levado nesta quinta-feira (23) para a sede da Superintendência da Polícia Federal em Brasília

Pâmela Lima

Há 6 dias


O ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)
O ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Investigação - Milton Ribeiro, ex-ministro da Educação, irá dormir na carceragem da Polícia Federal (PF) na Zona Oeste de São Paulo. Ele foi preso em Santos por volta das 7h e levado para a Superintendência da Polícia Federal na Lapa. O ministro foi alvo da Operação Acesso Pago, que investiga supostas irregularidades na transferência de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para prefeituras.

O ex-ministro participará de uma audiência de custódia por vídeoconferência. O juiz Renato Borelli, da 15ª Vara Federal, determinou a imediata transferência de Ribeiro para Brasília nesta quinta-feira (23). No entanto, a PF alegou problemas de logística e por isso a reunião ocorrerá de forma remota.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

A defesa do ex-ministro entrou com pedido de habeas corpus junto ao Tribunal Regional Federal. Os advogados alegam que a prisão do ex-ministro "é injusta, desmotivada e indiscutivelmente desnecessária" e que "inexiste razão para a prisão preventiva editada". Ribeiro é suspeito de corrupção passiva, prevaricação, advocacia administrativa e tráfico de influência. 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

PUBLICIDADE