PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Notícias

Reta final

Flamengo é o novo líder do Campeonato Brasileiro

Rubro-Negro venceu o Internacional por 2 a 1 em jogo decisivo

Guilherme Cardoso

21/02/2021 23h00


Time do Flamengo comemora a liderança do campeonato - Foto: @mcortesdasilva8 / CRF
Time do Flamengo comemora a liderança do campeonato - Foto: @mcortesdasilva8 / CRF

O Flamengo assumiu pela primeira vez a liderança do Brasileirão. Venceu de virada o único concorrente ao título na tarde desse domingo no Maracanã e agora só resta ganhar do São Paulo na última rodada que se consagra octacampeão. Jogo entre Flamengo e Internacional foi bom e bastante disputado, não tanto como no primeiro turno, mas ainda assim emoção não faltou. Os gols foram de Edenílson para o Inter. Arrascaeta e Gabigol fizeram para o Flamengo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Bruno Henrique foi quem começou arriscando aos 7 minutos, chute de direita de fora da área, mas Marcelo Lomba pegou sem dificuldades. No lance seguinte, Moisés cruzou na área adversária que ia em direção a Yuri Alberto, mas Gustavo Henrique puxou a camisa do atacante e o árbitro Raphael Claus marcou penalidade máxima. O zagueiro flamenguista falhou, costumava ficar nervoso quando errava em partidas anteriores. Edenílson cobrou muito bem. No alto, no Ângulo e abriu o placar para o Colorado. Foi o sexto gol do meio campista na competição. Aos 21, Yuri Alberto teve outra chance, mas cabeceou pra fora.

Aos 28, grande jogada do Flamengo envolvendo grandes jogadores e o que de melhor sabem fazer. Relembrando os momentos de 2019. Toquinho de Filipe Luís para Bruno Henrique que corre muito pela linha de fundo, ultrapassa Rodinei e cruza na área. A bola encontra Arrascaeta que de esquerda chuta no cantinho de Lomba. Empate dos donos da casa. Justo pelo que apresentavam. Tiveram o controle da partida. Foi o oitavo gol do uruguaio no torneio.

Aos 42, Rodinei chegou bem pela direita e acertou a trave de Hugo. Susto na defesa Rubro-Negra. No início do segundo tempo, Rodinei chegou firme, pisando feio no pé de Filipe Luís. Claus foi conferir no VAR e quando retornou mostrou o vermelho para o lateral de 1 milhão. (Torcedor do Inter pagou o valor estipulado para que o jogador pudesse entrar em campo. Ele pertence ao Flamengo e por questão contratual, essa era a condição para ele jogar.) A entrada foi feia mesmo, Claus pode ter sido rigoroso, mas a entrada foi desnecessária chegando a virar o pé do adversário. Com um a menos a tarefa do Flamengo ficou menos difícil.

Rogério dessa vez fez boas substituições, que deram resultado, precisava aproveitar o fato de ter um a mais. Pedro entrou no lugar de Isla logo após a expulsão do lateral do Inter, atuando junto com Gabigol, como muitos esperavam. Minutos depois entraram João Gomes e Natan. Saíram Diego e Rodrigo Caio. O zagueiro sentiu a lesão novamente. Aos 9, Pedro quase deixou o dele, carimbou a trave num cruzamento de Bruno Henrique. Na sequência, Patrick fez boa jogada, passando por três marcadores e deixou Caio Vidal em boa posição para finalizar, mas o chute foi em cima de Filipe Luís.

Aos 17, Arrascaeta, avançou bem e lançou para Gabigol, que muito bem posicionado, deu um toquinho de esquerda, tirando Lomba da jogada e fazendo o segundo do Flamengo. Virada no Maracanã. O camisa 9 comemorou na canguta de Gérson, que foi o maestro do jogo. Sexto jogo seguido que ele marca e chegou ao 14° gol no campeonato. Logo depois o autor do gol da virada sentiu dores e foi substituído pelo lateral João Lucas.

Aos 34, Pedro fez o dele, mas foi marcado impedimento. Realmente estava, por muito pouco. Já nos acréscimos, Pedro fez de novo, o que seria um golaço com G maiúsculo. Ganhou disputa com Lucas Ribeiro, deu o drible da vaca em Lomba e completou para o gol. Claus foi ver o lance no VAR e anulou o gol assinalando falta de Pedro no zagueiro do Inter. Tem um empurrão ali mesmo. O ex-árbitro Paulo César de Oliveira disse na transmissão da Globo que foi jogada normal e não viu irregularidade.

E assim foi o grande jogo entre líder e vice líder que agora mudaram de posição. 59% de posse de bola para o Flamengo contra 41% do Inter. 10 finalizações do Fla, 12 dos gaúchos. No alvo do gol foram 4 contra 3. Em relação aos passes foram 388 contra 229. (Dados SofaScore). Pelos números e pela atuação, o Flamengo jogou melhor e soube aproveitar o fato de ter um jogador a mais. Grandes jogadores decidiram a partida. Os jogadores de frente fizeram a diferença. Rogério Ceni já disse que quer botar sua foto na história do clube e sabe que não será fácil vencer seu ex-clube no Morumbi na última rodada. O São Paulo ainda busca vaga direta na Libertadores. O Inter recebe o Corinthians, que não tem mais pretensões no Brasileiro, pois a vaga pra Libertadores fugiu do alcance.

O Flamengo assumiu pela primeira vez o topo da tabela. Depende apenas de si mesmo para ser Bicampeão. Precisa ganhar do São Paulo na última rodada, caso empate e o Internacional vença o Corinthians, o título fica com o Colorado. Apenas dois pontos separam os dois. Tudo se decidirá na última rodada, que será na próxima quinta-feira. Todos os times irão duelar no mesmo dia. No outro fim de semana já tem campeonato estadual rolando.

 

 

 

 

 

 

 

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Tags

Relacionadas


PUBLICIDADE