Logomarca Mobile YouYes

Notícias

Oportunidade

Empresa selecionará startups do agro para desenvolverem projetos no Oeste baiano

Jovens empresas terão apoio financeiro de até R$ 200 mil

Karla Souza

2019-10-09 08:21:09


Propostas devem ser enviadas até 31 de outubro pelo WhatsApp 47.99694 0009 (Pixabay)

Startups do agro poderão receber até R$ 200 mil para desenvolver seus projetos, de janeiro a setembro do ano que vem, em Luís Eduardo Magalhães, no oeste baiano. A Cyklo Agritech Aceleradora de Projetos e Startups lançou edital de seleção e escolha de dez jovens empresas e projetos de aceleração para serem desenvolvidos na região do Matopiba (Maranhão, Tocatins, Piauí e Bahia). As propostas – pitch (breve apresentação) e vídeo da equipe – devem ser enviadas até o dia 31 de outubro pelo WhatsApp 47.99694 0009.

A Cyclo, primeira aceleradora de agritechs e de projetos a se instalar na fronteira agrícola Matopiba, tem interesse nas seguintes áreas: logística e movimentação de grãos; drones e vants; soluções digitais para o campo; interface e integração de equipamentos relacionados ao campo; automação (lavoura e centro de pesquisa); reconhecimento e tratamento de pragas; geotecnologia e biotecnologia; Big Data; crédito rural e finanças; irrigação e gestão de recursos hídricos; gestão de defensivos, equipamentos e insumos; pecuária; plantio e planejamento de lavoura; comercialização de grãos; acompanhamento e controle de safra; e clima e previsibilidade da lavoura.

Com centro de inovação e administração instalados em uma área de 722 metros quadrados, a Cyklo oferece às startups do agro infraestrutura tecnológica e laboratórios; mentoria permanente e sistêmica; back office (jurídico, contábil e administrativo); acesso às propriedades rurais e centros de pesquisa; suporte operacional ao projeto e à equipe; conexão com centros universitários; link com players do agronegócio; apoio financeiro de até R$ 200 mil; e acesso a investidores e fundos VC (demo day).

Para se inscrever no processo seletivo, as startups devem atender aos seguintes requisitos: ser constituídas de MVP (produto minimamente viável) com clientes (o projeto); equipe com papéis definidos (time); projeto relacionado ao agronegócio; disponibilidade de presença no processo de aceleração; e cessão de até 20% do equity da startup escolhida no edital a favor da aceleradora.

A relação das startups selecionadas será divulgada pela Cyklo em 5 de novembro. O programa de aceleração começa em 5 de janeiro de 2020.

 

Com informações da Agrolink

Tags

Relacionadas