Notícias

Economia

Conab prevê safra de 251,8 milhões de toneladas de grãos

A agricultura não deve sentir o impacto econômico do novo coronavírus

Pâmela Lima

2020-04-09 12:04:02


Como no ano anterior, a soja e o milho são responsáveis pelo bom desempenho do setor (Freepik)

O 7º Levantamento da Safra, divulgados hoje pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), aponta que a safra deste ano não sofrerá variações por causa da pandemia do novo coronavírus. A estimativa é que a colheita chegue a 251,8 milhões de toneladas de grãos na safra 2019/2020.

“A pandemia enfrentada pelo mundo não afetou o andamento da safra brasileira”, informou a Conab ao divulgar que o “volume recorde deve ser registrado em uma área cultivada de 65,1 milhões de hectares”.

Como no ano anterior, a soja e o milho são responsáveis pelo bom desempenho do setor. A Conab calcula produção recorde de 122,1 milhões de toneladas de soja e de 101, milhões de toneladas de milho. Algodão, arroz, feijão e sorgo também devem registrar aumento na produção.“No caso do arroz, este aumento acompanha uma queda de plantio do grão em área sequeira. Mas este movimento vem atrelado de uma maior proporção do cultivo da cultura em áreas irrigadas, que geram maiores produtividades. Aliado a isso, o contínuo investimento do rizicultor em tecnologias, vêm permitindo a manutenção da produção, ajustada ao consumo nacional”, informou a companhia por meio de nota.

Com informações da Agência Brasil

Tags

Relacionadas