Logomarca Mobile YouYes

Notícias

Negociação

Bolsonaro nega conversa sobre cargos em encontro com líderes partidários

O presidente desmentiu pelo Twitter rumores sobre oferecimento de postos no Governo Federal em troca de apoio para a aprovação da reforma da Previdência

2019-04-04 17:34:41

Alckmin foi um dos presidentes de partido recebidos hoje por Bolsonaro, no Planalto (Divulgação/Marcos Corrêa/PR)

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) se dedicou a reuniões com presidentes e parlamentares de cinco partidos nesta quinta-feira (4). O objetivo era costurar alianças em torno da aprovação da Proposta de Emenda Constitucional sobre a reforma da Previdência.

O presidente usou as redes sociais após o encontro para desmentir rumores de que houve trocas de cargos por votos. Ele escreveu que “nada se falou sobre cargos” e que a proposta era conversar sobre o texto que está em análise na Câmara. Segundo o pesselista, a conversa transcorreu “em alto nível”. "Pela manhã me reuni com vários presidentes e líderes de partidos. Tudo ocorreu em alto nível. Ao contrário do que propalado por alguns, nada se falou sobre cargos. Executivo e Legislativo unidos, por uma causa que representa o futuro de nossos filhos e netos: a Nova Previdência", escreveu o presidente em sua página no Twitter.

Gilberto Kassab, presidente do PSD, e Geraldo Alckmin, presidente do PSDB, prometeram apoio para a aprovação das mudanças no regime previdenciário.  Bolsonaro recebeu ainda nesta quinta os presidentes do PRB, Marcos Pereira (ES); do PP, Ciro Nogueira (PI), o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), e o presidente do MDB, Romero Jucá (RR).

Com infromações da Agência Brasil