Notícias

Frustração

Arrecadação do leilão do pré-sal fica abaixo das expectativas

O Governo Federal esperava o dobro do que foi arrecadado no certame desta quarta-feira (6)

Pâmela Lima

2019-11-06 18:15:58


O governo prometeu realizar um novo leilão, em termos diferentes, nos próximos meses (Divulgação/Reuters / BBC News Brasil)

O megaleilão da cessão onerosa do pré-sal realizado nesta quarta-feira (6), no Rio de Janeiro, arrecadou R$ 69,96 bilhões, cifra muito abaixo dos R$ 106,6 bilhões que o governo esperava obter em bônus de assinatura. Dos quatro campos de exploração da cessão onerosa do pré-sal que foram oferecidos na Bacia de Santos, somente dois foram arrematados: Búzios, por R$ 68,2 bilhões, e Itapu, por R$ 1,6 bilhão.

Um consórcio formado pela Petrobras e pelas chinesas CNOOC e CNODC arrematou o campo de Búzios, mas a Petrobras vai arcar com 90% do bônus. Já o campo de Itapu recebeu apenas lance da estatal brasileira. Além dos dois, a Agência Nacional de Petróleo e Gás Natural (ANP) ofereceu campos de exploração da cessão onerosa em Atapu e Sépia, mas nenhuma empresa manifestou interesse. O valor obtido no certame será divido entre a Petrobras, que ficará com R$ 34,6 bilhões devido à revisão do contrato de exploração na bacia, e o restante será rateado entre estados e Distrito Federal (15%), municípios (15%), Rio de Janeiro (3%) e União (67%).

O governo prometeu realizar um novo leilão, em termos diferentes, nos próximos meses para atrair investidores. Segundo especialistas, as condições apresentadas no certame de hoje foram consideradas muito duras e pouco atrativas.

Com informações do G1 e Terra

Tags

Relacionadas