Saúde

Anvisa mantém obrigatoriedade do uso de máscara em voos e aeroportos

Serviço de alimentação a bordo será liberado no dia 22 de maio

Pâmela Lima

Há 3 dias


(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Pandemia - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) alterou, nesta quinta-feira (12), as normas aplicadas em aeroportos e aeronaves em função da pandemia da Covid-19. O uso de máscaras de proteção facial continua obrigatório, estão liberados o serviço de alimentação a bordo, a permissão para retirada de máscara para alimentação e a liberação da capacidade máxima para transporte de passageiros no interior dos aeroportos.

As novas regras entram em vigor no dia 22 de maio. A resolução inclui ainda a obrigatoriedade do uso de máscaras em portos, desembarque de passageiros em fileiras e define regras de limpeza para desinfecção de aeronaves e ônibus. A decisão foi tomada em reunião pública ordinária da Diretoria Colegiada.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

As medidas precisam ser paulatinas, os riscos precisam ser continuamente avaliados e sopesados. As camadas de proteção visam permitir o acompanhamento dos benefícios trazidos por novas medidas implementadas, assim como dos eventuais riscos associados”, comentou o diretor e relator da matéria, Alex Campos.

A recomendação do órgão é que o serviço de alimentação deve ser fornecido com atenção aos objetos que possam entrar em contato direto ou indireto com a boca, como copos, pratos e garfos. “Aeronaves e aeroportos são locais com elevada contaminação, localidades que se constituem grandes aldeias globais. E, portanto, é justamente a continuidade do uso da máscara que sustenta esses possíveis avanços paulatinos. A máscara é a última etapa e não podemos abrir mão delas por agora”, comentou.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

PUBLICIDADE