Tecnologia

A Nasa lançou uma espaçonave para colidir com um asteroide

O asteroide não representa uma ameaça real à Terra

Waleska Rodrigues Barreto

Há 5 dias


A nave tem a possibilidade de desviar um asteroide da órbita da Terra. (Foto: Reprodução)
A nave tem a possibilidade de desviar um asteroide da órbita da Terra. (Foto: Reprodução)

Astronomia - A Nasa, agência espacial norte-americana, lançou na madrugada desta quarta-feira (24) uma espaçonave com o objetivo de colidir com um asteroide. A missão batizada da Dart (dardo, em tradução simples), ou Teste de Redirecionamento de Asteroide Duplo, decolou  da base de Vandenberg, na Califórnia, a bordo de um foguete SpaceX Falcon 9.

A nave tem a possibilidade de desviar um asteroide da órbita da Terra, batendo em um pequeno planeta a uma velocidade de 240 mil km por hora.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O asteroide alvo de Dart não representa uma ameaça real e é minúsculo em comparação com a catástrofe do asteroide Chicxulub que atingiu a terra há mais de 66 milhões de anos e levou à extinção dos dinossauros.

A espaçonave chega ao seu destino em setembro de 2022 e irá tentar impactar o movimento de um asteroide próximo à Terra. O alvo da missão é Dimorphos, uma pequena lua orbitando o asteroide Didymos. 

?A nave é menor que um automóvel e tem dois longos painéis solares e deve atingir o asteroide do tamanho de um campo de futebol (cerca de 160 metros de diâmetro), que estará localizado a 11 milhões de km da Terra.

Para dar a volta ao maior asteroide, o Dimorphos leva 11 horas e 55 minutos. Os cientistas esperam reduzir a órbita em cerca de 10 minutos.

Esta será a primeira demonstração em grande escala desse tipo de tecnologia pela agência em nome da defesa planetária. Também será a primeira vez que os humanos alteram a dinâmica de um corpo do sistema solar de forma mensurável, de acordo com a Agência Espacial Europeia.

O custo total da missão – a primeira interplanetária lançada pela empresa de Elon Musk para a Nasa – é de US$ 330 milhões.

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Curtir
Tags

NOTÍCIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

PUBLICIDADE